top of page

Museu de Arte Contemporânea de Sorocaba reabre sob presidência de Carol Paiffer

O MACS estava fechado desde dezembro passado devido a problemas de infraestrutura por conta de enchente; museu reabriu com novas reserva técnica e biblioteca, além de exposição de acervos próprio e itinerante



Carol Paiffer na reabertura do MACS (Foto: Sandro Costa)

O Museu de Arte Contemporânea de Sorocaba (MACS), que estava fechado desde dezembro passado, quando sofreu com inundação devida a fortes chuvas na cidade, reabriu ao público no sábado (dia 04/11). Em maio deste ano, a presidência do museu foi assumida por Carol Paiffer, sócia-fundadora e CEO da Atom S/A, a maior mesa de trader e publicadora de conteúdos sobre educação financeira, mercado financeiro e empreendedorismo da América Latina.


O MACS conta com dois galpões da Estação Ferroviária de Sorocaba. Um deles foi reformado e ganhou uma nova reserva técnica, com capacidade para o acervo de 740 obras de arte, com curadoria do professor doutor Fábio Magalhães.


O espaço agora conta com equipamentos que garantem a adequada guarda e manipulação das obras, além de um software especializado em acervos, que permite a consulta informatizada de todos dados técnicos dos trabalhos artísticos. Além disso, o museu ganhou uma biblioteca de artes visuais, com três mil volumes, projeto realizado com verbas do Programa de Apoio à Cultura do Estado de São Paulo, o Proac.


A reabertura do MACS ainda contou com a abertura da exposição “Acervo Rotativo”, com curadoria de Laerte Ramos, que também é artista plástico. São 400 obras de 400 artistas. Uma das características que permitiu esse volume de obras é o fato de serem em pequenos formatos.


“Faz dez anos que sou voluntária do MACS e dois anos que a minha empresa, a Atom, patrocina o museu. Comigo na presidência, reformamos um dos galpões e o outro entrará em reforma. O MACS é um museu de toda a sociedade, então é importante que todos que possam contribuam. Pessoas físicas podem colaborar como Amigos do Museu, com contribuições a partir de R$ 100 mensais. Já para as empresas, temos leis de incentivo aprovadas, então é possível contribuir por meio de dedução de impostos”, afirma Carol Paiffer.


“Nossa ideia é fazer do MACS, além de um museu, um espaço voltado para a educação e atender de forma cada vez melhor e mais abrangente não apenas Sorocaba, mas toda a região. O MACS tem o poder de trazer o mundo para Sorocaba e divulgar Sorocaba para o mundo, o que faz muito sentido por concentrar nomes de artistas e também trazer visibilidade para a cidade”, complementa Carol.


20 anos do museu


O evento de reabertura do museu também marcou o início da agenda comemorativa dos 20 anos do MACS, com uma projeção de imagens de registros fotográficos das exposições de maior repercussão, entre as mais de 50 já realizadas pelo museu.


Marcaram presença no MACS no sábado autoridades como Marília Marton e Roberto Lucena, respectivamente secretária de Cultura, Economia e Indústria Criativas e secretário de Turismo do Estado de São Paulo, além de vários artistas.


História do MACS


Um grupo de empresários, intelectuais e artistas de Sorocaba (SP) fundou em 2004 a AECA (Associação de Educação, Cultura e Arte), com o objetivo de criar e administrar o MACS. Em 2007, a associação foi qualificada como OSCIP (organização da sociedade civil de interesse público) e desde então conta com o apoio técnico da Prefeitura Municipal de Sorocaba, da Secretaria de Estado da Cultura e Economia Criativa, do Sisem (Sistema Estadual de Museus de São Paulo), da Secretaria Especial da Cultura e do IBRAM (Instituto Brasileiro de Museus).


O museu ocupa desde 2012 um dos galpões da Estação Ferroviária de Sorocaba, por meio de um termo de cooperação técnica com a prefeitura local. Com o MACS, o monumento tombado pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo), datado de 1875, passou de um galpão abandonado para uma relevante instituição cultural.


Serviço

MACS - Museu de Arte Contemporânea de Sorocaba Av. Afonso Vergueiro, 280, ao lado do prédio da antiga Estação Ferroviária de Sorocaba. De qua. a sex., 14h/19h; sáb. e dom., 10h/14h. Tel. (15) 3233-1692

bottom of page